[O Oitavo Demônio - Paulo Azevedo]

O Oitavo Demônio - Paulo Azevedo

“Não passamos pela vida impunemente”

Em Oitavo Demônio somos apresentados a família de João Martins e logo percebemos que o convívio entre eles é muito difícil, a falta de dialogo ou ate mesmo carinho é bem complicado e com isso eles se mostram bem distantes um do outro. Mas como o futuro gosta de brincar com as pessoas João acaba se vendo diante de um grave problema de saúde, onde a sua vida vai acabar se passando diante dos seus olhos, será que João vai conseguir sobreviver a isso?!

Em um piscar de olhos João vai ser apresentado aos 7 demônios ou melhor, aos 7 pecados capitais, então a ficha do personagem acaba caindo pois ele percebe os erros que acabou cometendo em sua vida. Sabe o mais interessante nessa história? É que nesse momento o leitor acaba tendo uma conexão com a narrativa, pois é impossível não se colocar no lugar de João.

As situações apresentadas na historia nos prova que todo mundo já passou por alguma coisa parecida e que as vezes é mais fácil acabar se rendendo aos pecados capitais, pois eles acabam nos ofertando tudo de uma forma mais fácil, João foi apresentado a 8 demônios e esse oitavo foi praticamente um choque, vocês conseguem imaginar qual seria esse demônio?!

 “A vida é urgente”

Minhas expectativas em relação a esse livro foram superadas, nunca pensei que a história poderia me surpreender e me ensinar tanto, eu diria que a criatividade do Paulo foi de uma ousadia incrível. Somos praticamente levados a consciência de João e quando conhecemos melhor cada um dos pecados capitais, percebemos o quanto somos parecidos com o protagonista e isso é algo que acaba nos dando um verdadeiro choque de realidade.

O livro tem aquele ar de mistério e em alguns momentos ficamos com aquele pensamento “e agora? O que vai acontecer?” eu diria que o melhor de tudo esta por vim, o final do livro foi simplesmente tudo que eu nunca imaginei que poderia acontecer, fazendo com que a história ficasse perfeitamente em sincronia. Fazia um bom tempo que um livro não me prendia desse jeito e sinceramente o único ponto negativo é saber que a história acabou.

Provavelmente O Oitavo Demônio deixara muita gente de boca aberta, além de ser um livro envolvente a mensagem que ele carrega acaba mudando alguns hábitos do leitor e isso é algo mágico, se as pessoas aprendessem como aconteceu com o João muitas coisas mudariam, principalmente seus hábitos e sua forma de enxergar a vida. Um livro repleto de detalhes e totalmente diferente do que estão acostumados, aqui vocês conheceram a verdade nua e crua de uma forma bem interessante.

Queria deixar meu agradecimento ao Paulo e dizer que sinceramente, você me surpreende a cada dia que passa e que com esse seu talento você vai muito longe.

E vocês meus contos?! Já pararam pra pensar quais são seus demônios?!

O Oitavo Demônio - Paulo Azevedo

Autor: Paulo Azevedo / Páginas: 168 / Editora: Chiado Books

SINOPSE:

Romance sobre os Pecados Capitais, tendo como protagonistas um homem em seu leito de hospital e seu alter ego, passando a limpo toda uma vida, através dos seus pecados demoníacos. Não passamos pela vida impunemente. Avareza, Gula, Preguiça, Inveja, Luxúria, Ira e Soberba, demônios em prol de vícios, pecados ou virtudes? Quem está no comando? A razão, a consciência, ou os sete demônios que manipulam todos os nossos dias, ofertando-nos prazeres sem limites ou culpas? As delícias do sexo e todas as suas orgias; a obra não realizada e deixada para o eterno amanhã; o ódio pela alegria do outro; o dinheiro guardado no bolso, para levar no caixão; a comilança insana, por res homéricos e a ressaca moral; o desdém pela raça humana e, talvez, a morte como sanção aos demônios. Será? Vícios, liberdade ou prisão; pecados, culpa da alma ou redenção. Vale tudo? São argumentos finais de uma vida ácida e medíocre, sem respostas prontas, apenas a necessidade em descobrir o Oitavo Demônio. Exorcize-o se for capaz.

Conheça o(a) Autor(a)

[Paloma]
Paloma Isabele

Pisciana, Estudante de Direito e Completamente apaixonada pelos livros. Uma frase que resumi toda essa loucura que chamamos de vida é "Nada é tão nosso, quanto nossos sonhos".

Veja Alguns Posts Relacionados

Comentários

Olá, deixe seu comentário para O Oitavo Demônio - Paulo Azevedo

Enviando Comentário Fechar :/