[A casa das hostesses – Guilty / Déborah Felipe ]

A casa das hostesses – Guilty / Déborah Felipe

“Um amor que não parecia querer diminuir ou acabar nunca.”

 Oi meus contos, tudo bom?!

Hoje trago pra vocês a resenha do livro A casa das Hostesses – Guilty, pra quem acompanha o blog já sabe que a resenha do primeiro livro A casa das Hostesses já saiu e vocês podem encontrar ela aqui. Confesso que nesse segundo livro muitas emoções aguardam pelo leitor, então fiquem preparados e venham conferir a resenha.

No começo do livro vocês percebem que varias mudanças aconteceram com o passar do tempo e com isso percebemos a evolução de vários personagens, um exemplo é que Selina e Souji continuam apaixonados como sempre, ele acabou vendendo o seu apartamento e foi morar com Selina e Camila, já Camila e Ryouji continuam juntos, mas os dois por ter uma personalidade tão forte podem acabar se desentendendo no rumo da historia. Já as outras hostesses cada uma continua vivendo suas vidas das melhores maneiras, mas é claro que sempre tem algo pra atrapalhar.

O rumo principal da historia esta em um novo cliente chamado Hikari Yune que aparece na Casa das Hostesses, um belo homem com um ar misterioso e que deixa todas babando por onde passa, por incrível que pareça esse mesmo homem esta tentando sociedade com a empresa de Souji, mas isso é algo que vocês vão ligar os fatos no meio da historia. Porque antes disso vários babados já terão acontecido.

“É uma historia de amor como todas as outras... Como as nossas mesmas historias... Com finais inesperados, emocionantes, felizes, decepcionantes... Mas ainda assim, de amor”

No decorrer da historia percebemos que Souji acaba ficando vidrado no trabalho, pois quer de qualquer forma conseguir com que a sociedade dê certo para empresa e com isso ele acaba deixando Selina de lado, mal a procura e aos poucos vai se afastando totalmente, mas como se diz aquele ditado “quem não dá assistência abre concorrência e perde a preferência” isso acaba acontecendo aos poucos, e como o destino gosta de brincar Hikari Yune acaba se aproximando de Selina e ao invés dela conversa com Souji sobre isso, ela acaba escondendo. E agora?! O que poderia acontecer com o nosso casal?!

Coisas ruins entre os outros casais acabam surgindo também, um dos acontecimentos foram entre Camila e Ryouji que também brigaram muito feio, tudo porque ele fez uma proposta para os dois morar juntos, mas como ela achou que não estava no momento o mocinho não levou na boa e acabou tendo uma discussão feia. Outra fase ruim esta acontecendo na vida de Marissa e Akihito, a mãe do moço esta fazendo a vida deles um inferno, tudo isso por não aprovar o namoro. Diria que pra Kelly e Ryu as coisas andam bem, pois os dois acabaram se entregando aos sentimentos, já com Marina e Yusuke as coisas está indo bem também.

Será que com todas essas confusões e brigas, o amor deles poderá vencer? Ou a única escolha vai ser todos seguirem suas vidas? O que será que A casa das hostesses – Guilty preparou para seus leitores? Sentem se e prepare os lencinhos, pois grandes emoções estão por vim.

"É uma Casa de Hostesses... Cuidamos para que o mundo de fora... Fique lá fora!"

Confesso que “Surpreendente” seria a palavra exata que eu usaria pra falar sobre o livro, ao iniciar a leitura nunca imaginei que aquilo tudo poderia logo acontecer, confesso que prefiro o segundo livro do que o primeiro, pois acabei me apegando bastante a historia e aos personagens, nesse livro você percebe o quanto cada personagem amadureceu e cresceu, então logo você acaba percebendo os pontos positivos e negativos de cada um.

No decorrer da historia confesso que senti bastante agonia com a Selina, pois eu não entendia o motivo de tanto silencio da parte dela, mas logo no meio da historia acabei entendendo e concordando com suas atitudes, mas mesmo assim passei muita raiva. Diria que como no primeiro livro você acaba se sentindo parte da historia, isso é algo que eu amo, pois, você sente as dores e conquistas de cada personagem.

No final da historia eu chorei igual uma criança, pois fiquei surpresa do rumo que ela teve, isso foi algo que me deixou bastante feliz, mas é claro que a historia nos deixou com um gosto de quero mais e tenho certeza que uma continuação pode surgir.

"As pessoas tendem a dar valor às coisas só quando as perdem mesmo."

Ação, mistério, romance e brigas tudo isso somente numa historia.
Uma das coisas que mais gostei foi sobre a lenda dos “miosótis” que sem duvida nenhuma é muito linda e algo que me matou de rir, foi quando as meninas estavam assistindo filme, não duvido nada que aquele filme seria “Crepúsculo” kkkk eu morri de rir da conversa delas, totalmente concordo.

Algo que me deixou fascinada foi à diagramação do livro que sem duvida nenhuma esta perfeita, os brindes que recebi também me deixaram muito feliz, super combinaram. A Déborah sabe prender os seus leitores e tem o dom de escrever, nesse segundo livro você acaba tendo noção de uma como uma historia pode evoluir e te marcar de uma forma que não tem como descrever, apenar sentir, foi uma das melhores leituras que tive oportunidade de poder começar o ano. Já estarei ansiosa pra continuação... Pois quando vocês conhecem a Casa das Hostesses é impossível querer se desgrudar.

Déborah muito obrigada por nossa parceria, tu sabe que pode contar comigo pra tudo, saiba que a Equipe do Contos Literarios sempre estará contigo.

Compre o Primeiro Livro: A casa das hostesses

Segundo Livro: A casa das hostesses – Guilty

Degustação do segundo no: Wattpad

Autora: Déborah Felipe / Editora: PenDragon / Páginas: 194  

Sinopse: 

A Casa das Hostesses é um prédio antigo de Tóquio que passa despercebido para aqueles que não o estão procurando e é parte de seu charme ser um lugar que sabe exatamente quem deseja conhecer a cada noite, como se fosse uma das hostesses que trabalha ali.

Depois de assumir a presidência que nunca desejou da Takeshi, Souji está se esforçando ao máximo para não deixar o barco afundar, mesmo que isso esteja começando a afastá-lo de tudo o que ele mais preza na vida: seus amigos, Selina e da Casa das Hostesses. Com as péssimas experiências que seu próprio pai e sua ex-noiva o fizeram passar, ele ainda luta diariamente contra o medo de fracassar e de perder tudo que caiu em suas mãos de repente.

Um novo cliente aparece na boate e é ninguém menos que Hikari Yune, o homem que pode tanto ajudar quanto arruinar tudo para Souji. Yune é um homem maduro e sedutor que passa a frequentar à Casa das Hostesses e cai de encantos por Selina.

A todos os clientes assíduos…

Sejam bem vindos de volta à Casa das Hostesses

 

Conheça o(a) Autor(a)

[Paloma]
Paloma Isabele

Pisciana, Estudante de Direito e Completamente apaixonada pelos livros. Uma frase que resumi toda essa loucura que chamamos de vida é "Nada é tão nosso, quanto nossos sonhos".

Veja Alguns Posts Relacionados

Comentários

Olá, deixe seu comentário para A casa das hostesses – Guilty / Déborah Felipe

Enviando Comentário Fechar :/